O início do pintor, o desconfinamento para a vindima e a liberdade do vinho novo


Desconfinados. E agora? Voltar a ser o que já foi. A saudade de uma normalidade que queremos de volta.


Neste interregno, muita coisa mudou, mas nem tudo – para elas, foi como se nada fosse. Prevenidas por uma natureza sábia, respeitam as distâncias: 2,5 metros para a companheira da frente e 1 metro para a do lado. Conheço-as assim desde sempre. Alinhadas, vigorosas, airosas, nunca deixaram de me receber de braços abertos. Passaram por chuvas intensas durante a floração, o granizo, a insistência do míldio… tudo tem contribuído para percebermos até onde vai a nossa capacidade de esperar, de persistir e de acreditar. O início do pintor vem, de um dia para o outro, alertar-nos da chegada da vindima. Tempo de desconfinamento, trabalho e alegria.

Na Herdade Canal Caveira já começaram os preparativos: contratar pessoas para a apanha da uva, cuidar das máquinas, rever processos e acompanhar o crescimento dos bagos com o carinho e a sabedoria que nos tem caracterizado ao longo dos anos. Depois é pensar no vinho novo, produzi-lo com qualidade para o desfrutar em liberdade junto daqueles que mais queremos e amamos, com abraços, convívios e comemorações.


Recomeço agora a brindar à vida, e a todos os que me estão a ler, com um Sauvignon Blanc de 2017, frutado e encorpado que me dá um sorriso sempre que o saboreio.


Tchim-Tchim À Nossa!!



Vanda Paz Paiva

69 visualizações

ESPERAMOS O SEU CONTATO

+351 269 098 030

+351 912 377 697

Herdade Canal Caveira

IC1, Canal Caveira

7570-107 Grândola

Setúbal, Portugal

  • Facebook
  • YouTube

Herdade Canal Caveira, Lda

barra_cofin_FEDER.png

Livro de Reclamações Eletrónico

www.livroreclamacoes.pt